O Granfino e o Caipira – Victor e Léo

Publicado: julho 19, 2009 por Tainara em Sertanejo
Tags:

 .

O Granfino e o Caipira – Victor e Léo

 .

la- si- la- sol- fa#- sol- la- la / Sou um homem da cidade

la- si- la- sol- fa#- sol- la- sol / Tô chegando de viagem

fa#- mi- re- sol / Vim buscaar

mi- fa#- sol- fa#- sol- fa#- re / Minha moça, meu amor

sol- sol- sol- fa#- re- re- re- mi- re / A mais linda desse interior

.

la- si- la- sol- fa#- sol- la- la / Sei que aqui há um caipira

la- si- la- sol- fa#- sol- la- sol / Que os seus olhos não tira

fa#- mi- re- sol / Da princesa

mi- fa#- sol- fa#- sol- fa#- re / Mas eu chego de carrão

re- re- sol- sol- sol- fa#- re- re- re- mi- re / Mostro o bolso e ganho o seu coração

.

re- re- mi- mi- fa#- fa# / Sou o tal caipira

sol- sol- si- la- la- sol- mi / que o granfino falou

mi- fa#- sol- fa#- sol- fa#- re / Não escondo a questão

re- sol- sol- sol- fa#- re- re- re- mi- re / A moça é dona do meu coração

re- re- mi- mi- fa#- fa#- sol- sol / Ele acho que o dinheiro

si- la- sol- la- sol- mi / compra o amooor

mi- fa#- sol- fa#- sol- fa#- re / Mas se fosse fácil assim

re- sol- sol- sol- fa#- re- re- re- mi- re / A moça nem olhava para mim

.

Refrão:

fa#- fa#- sol- la- sol- si- si- la- sol- sol / Enquanto a gente briga por alguém

sol- la- sol- si- si- la- sol- sol / A gente fica sem ninguém

sol- sol- sol- sol- la- fa# / Apronta, insiste

fa#- fa#- fa#- fa#- sol- mi / Mas no fim das contas

mi- mi- mi- mi- do- re / A moça desiste

.

Léo:

la- si- la- sol- fa#- sol- la- la / Vou fazer de tudo um pouco

la- si- la- sol- fa#- sol- la- sol / Já estou ficando louco

fa#- mi- re- sol / De desejo

mi- fa#- sol- fa#- sol- fa#- re- re / Uso o terno e a gravata

re- sol- sol- sol- fa#- re- re- re- mi- re- re / Falei com os seus pais mas deu em nada

la- si- la- sol- fa#- sol- la- la / Ô caipira, dá um tempo

la- si- la- sol- fa#- sol- la- sol / Desse jeito eu não aguento

fa#- mi- re- sol / A insistência

mi- fa#- sol- fa#- sol- fa#- re / Só por causa de você

sol- sol- sol- fa#- re- re- re- mi- re / Ela não decide o que vai ser

.

Victor:

re- re- mi- mi- fa#- fa#- sol- sol / Ô granfino, nosso caso

si- la- sol- la- sol- mi / não tem solução

mi- fa#- sol- fa#- sol- fa#- re / Ela gosta de cowboy

re- sol- sol- sol- fa#- re- re- re- mi- re / Com bota, espora e pinta de heroi

.

re- re- mi- mi- fa#- fa#- sol- sol / Vou selar o meu cavalo

si- la- sol- la- sol- mi / e dizer adeeeus

mi- mi- fa#- sol- fa#- sol- fa#- re / No seu lugar ia também

re- sol- sol- sol- fa#- re- re- re- mi- re / Na busca de quem só lhe queira bem

.

Refrão:

fa#- fa#- sol- la- sol- si- si- la- sol- sol / Enquanto a gente briga por alguém

sol- la- sol- si- si- la- sol- sol / A gente fica sem ninguém

sol- sol- sol- sol- la- fa# / Apronta, insiste

fa#- fa#- fa#- fa#- sol- mi / Mas no fim das contas

mi- mi- mi- mi- do- re / A moça desiste

.

Obs: As notas maiúsculas são agudas.

.

comentários
  1. lais disse:

    suas músicas são lindas mais a quer eu gosto e lembraças de amor soou sua fã beijsssssssssss.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s